MATERIAL PUBLICITÁRIO

DISTRIBUIÇÃO PÚBLICA DE COTAS DA SÉTIMA EMISSÃO DO FATOR VERITÀ FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FII

ATENÇÃO: LEIA O REGULAMENTO E O PROSPECTO ANTES DE ACEITAR A OFERTA, EM ESPECIAL A SEÇÃO FATORES DE RISCO


Links Oficiais da Oferta
Para acessar o Prospecto, clique aqui.
Para acessar o Anúncio de Início, clique aqui.

Cronograma da Oferta
Início do Período de Subscrição Encerramento do Período de Subscrição Procedimento de Alocação de Ordens Divulgação do Anúncio de Início e do Prospecto Data de Liquidação da Oferta
12/06/2020 29/07/2020 30/07/2020 04/06/2020 04/08/2020

Informações Operacionais para realização de ofertas junto a Itaú Corretora 

Do Cadastro: 

Investidores interessados em realizar a operação via Itaú Corretora deverão obrigatoriamente estar cadastrados e com o cadastro regularizado e apto a realizar operações.

Destacamos a responsabilidade do Cliente em manter seus dados cadastrais atualizados, tanto no Banco Itaú Unibanco, quanto na Itaú Corretora, para que seja possível contatá-lo em caso de necessidade. Para realizar a atualização dados cadastrais, dirija-se à sua agência bancária, ou acesse o Site da Itaú Corretora na Internet.

A Itaú Corretora, em cumprimento a Instrução CVM 463/08, Art. 6º, inciso I, realizará análise de todos os Boletins de Subscrição e poderá obedecendo critérios próprios, cancelar sem aviso prévio aqueles que apresentem incompatibilidade com ocupação profissional, rendimentos e/ou situação patrimonial ou financeira, tomando-se por base as respectivas informações cadastrais.

Da Liquidação:

A liquidação financeira da operação, neste caso, o débito financeiro, ocorrerá, necessariamente, em sua conta de liquidação cadastrada na Itaú Corretora (conta corrente ou conta corretora), desde que o valor total disponível para saque (inclui os limites de crédito disponibilizados pelos bancos aos correntistas) seja suficiente para liquidar a soma dos valores financeiros de todos os pedidos de reserva realizados durante o período de captação da oferta.

Caso o valor total disponível para saque seja inferior ao valor efetivo dos pedidos de reserva realizados, a Itaú Corretora executará, compulsoriamente, os ativos em nome do Investidor para levantamento de recursos, e cobrará multa de 2% (dois por cento), acrescido de juros moratórios equivalentes à variação da taxa SELIC, aplicada pro rata temporis durante o período de inadimplência.  Além disso, o cliente terá o seu acesso às operações da Itaú Corretora bloqueados até a regularização de sua situação financeira.

Dos Riscos

OS INVESTIDORES DEVEM LER A SEÇÃO “3. FATORES DE RISCO” DO PROSPECTO, NAS PÁGINAS 59 a 73 PARA AVALIAÇÃO DOS RISCOS QUE DEVEM SER CONSIDERADOS PARA O INVESTIMENTO NAS COTAS.